Tuesday, 27 April 2010

Sala das Máquinas no Stafford Bike Show

O evento de Stafford, é considerado o maior evento mundial de motos clássicas . O Sala das Máquinas esteve lá.
.
Texto e fotos: Mike Silva em Stafford, Inglaterra
.
Pelo sexto ano consecutivo, visitámos o Stafford Classic Motorbike Show. De ano para ano, o potencial de crescimento deste evento não para de nos surpreender. Na edição deste ano do certame mundialmente conhecido, além das milhares de fabulosas motos e clubes presentes, destaque para a criação de uma pista de trial para motos clássicas, e a primeira concentração internacional de Harley-Davidsons Rotax, um modelo exclusivo do Exército, agora disponível ao grande publico.



A Lambretta tem uma grande tradição inglesa, e muitos dos modelos disponíveis foram fabricados no Reino Unido.


A italiana Ducati proporcionou à imprensa e aos visitantes a hipótese de experimentar a sua gama, e a equipa do Sala das Máquinas testou algumas das produções da marca nas estradas inglesas circundantes ao evento, num artigo a publicar em breve.


De um esqueleto por cerca de 50 Euros...






... A uma novínha em folha, zero Km! Tudo para todas as bolsas em Stafford.



A escolha da moto eleita pelo júri como a melhor do encontro, recaíu uma vez mais sobre uma espantosa Vincent C recuperada durante um processo exaustivo que durou cerca de quatro anos, transformando um monte de peças em caixotes numa fabulosa e exclusiva peça de arte agora disponível ao público. Presente também uma raríssima Vincent "Red", pintada de vermelho original. Durante o fim de semana de 24 e 25, passaram pelo evento de Stafford 360000 pessoas, e mais de 500 expositores particulares e empresariais.





Melhor do que palavras , sempre subjectivas ao gosto de cada um, aqui ficam algumas fotos do evento em primeira mão para os seguidores do Sala das Máquinas, com o desenvolvimento posterior nas revistas da especialidade portuguesas do costume. Stafford é um local obrigatório para quem gosta de motos visitar, e um local que fica na nossa memória pela quantidade de entusiastas genuinos que encontramos e pela afabilidade e profissionalismo dos seus organizadores.


1 comment:

MOTARTE said...

Muito bom!

Aguardo o post do teste às Ducati! ;)